Por que as garrafas Stanley viraram febre? Desvendando o fenômeno

Já se pegou pensando por que essas garrafas, que começaram com uma pegada super prática, de repente se tornaram o must-have do momento? Nessa análise, vamos fuçar nos motivos por trás dessa popularidade estrondosa.

De estretágias de marketing à psicologia do consumidor, descubra como as garrafas Stanley transcenderam sua função original para se tornarem ícones de estilo de vida, aspiração e status social.

A história da ascensão viral das garrafas Stanley é de cair o queixo. Estamos falando de como a garrafa Quencher da Stanley virou um fenômeno cultural. Então, se ajeita aí, pega sua bebida favorita (de preferência num copo Stanley) e vamos desvendar esse mistério.

A Evolução das garrafas Stanley: De Utensílios a Acessórios de Estilo de Vida Icônicos

As garrafas Stanley, que surgiram em 1913 como companheiras de aventuras ao ar livre, passaram por uma transformação radical. Imagina só, elas saíram dos canteiros de obras para as mesas de café da galera mais antenada. É uma evolução digna de aplausos.

Olhando de relance, uma garrafa é só uma garrafa, certo? Mas aí entra a garrafa Stanley, e a história muda. A pergunta “por que as garrafas Stanley são tão populares?” vai além do visual. A Stanley sacou uma mistura de qualidade, nostalgia e um toque de genialidade nas redes sociais que transformou um simples recipiente em um item de desejo. O segredo? Uma combinação de charme da marca tradicional com um olhar apurado para o que o consumidor moderno quer.

No marketing, ser adaptável é mais do que uma habilidade – é o que te faz vencer o jogo. Além disso, as garrafas Stanley não só se adaptaram, mas também dominaram essa arte ao longo de um século, tornando-se um símbolo de versatilidade que nunca sai de moda.

Nos últimos quatro anos, a Stanley lançou mais de 100 cores, transformando um item prático em um statement de moda. A lição de marketing aqui? A cor comunica mais do que palavras.

Target's New Stanley Cup Colors Have Fans Rushing To The Nearest Store

As cores não são apenas tons; elas são expressões de emoções, personalidade e individualidade. Nessa revolução das cores, a Stanley não só entendeu, mas abraçou a essência de cada matiz. Agora, todo mundo quer uma garrafa Stanley para cada vibe, para cada momento – um verdadeiro reconhecimento da habilidade da marca em contar histórias visuais.

A Febre das Cores: Um Toque de Gênio

A estratégia de cores da Stanley foi um golpe de mestre. Eles não só lançaram um produto, mas uma paleta que capturou as tendências do momento. Ao lançar novas cores em edições limitadas regularmente, eles criaram um frenesi de empolgação e expectativa. Essa jogada inteligente não só manteve o interesse vivo, mas também fez das garrafas itens colecionáveis, aumentando ainda mais sua popularidade.

Em um mundo onde as tendências mudam tão rápido quanto os desafios do TikTok, a Stanley conseguiu se manter relevante através das gerações. O efeito de posse, onde quanto mais você usa algo, mais valor ele tem para você, é um ponto psicológico chave.

Ser trendy é legal, mas ser atemporal é demais. As garrafas Stanley encontraram esse equilíbrio perfeito.

A Influência do TikTok e a Revolução Quencher: Stanley Criando Tendências

Na era do TikTok, onde os tempos de atenção são mais curtos que um vídeo viral, as garrafas Stanley não só sobreviveram, mas se destacaram. Com mais de 7 bilhões de visualizações sob a hashtag #stanleycup, esse fenômeno é mais do que um reflexo da influência do TikTok. É uma história de como vídeos curtos podem dar início a uma revolução cultural.

A estratégia certa nas redes sociais pode levar uma marca do esquecimento à fama da noite para o dia. A ascensão da Stanley no TikTok mostra o poder do conteúdo autêntico gerado pelo usuário. Quando influenciadores e usuários comuns compartilharam seu amor sincero pela marca, as garrafas Stanley não só se tornaram populares; elas se tornaram parte da identidade das pessoas.

Mas como uma marca que começou com foco nos trabalhadores da construção civil se transformou em um acessório desejado por todos? A jogada mestra veio com o modelo Quencher e a aposta estratégica do The Buy Guide – um movimento que iniciou uma revolução e revelou uma verdade do marketing: conhecer seu público é como encontrar um tesouro.

Via TikTok

O Mercado Feminino: Conquistando um Novo Público

Uma das jogadas inteligentes da Stanley foi abraçar um segmento muitas vezes esquecido pelas marcas de utensílios para bebibdas: as mulheres. Ao reconhecer e atender às preferências femininas, a Stanley não só ampliou seu mercado, mas também criou uma comunidade de fãs da marca. Essa inclusão estratégica foi fundamental para a popularidade generalizada das garrafas.

Sustentabilidade: Uma Caneca para o Consumidor Consciente

Num mundo onde a sustentabilidade é mais do que uma tendência, é uma necessidade, as garrafas Stanley brilham. Seu design durável e a mensagem da marca sobre sustentabilidade ecoam com os consumidores que buscam fazer escolhas responsáveis. Esse alinhamento com os valores dos consumidores tem sido crucial para construir confiança e lealdade.

Colaboração é fundamental: Parcerias Estratégicas

A habilidade da Stanley em escolher os parceiros certos para colaborações ampliou seu alcance e apelo. Seja em produtos co-branded ou alinhando-se com iniciativas eco-conscientes, essas parcerias ajudaram a Stanley a se manter relevante e empolgante.

Além da Garrafa: Criando um Estilo de Vida

O sucesso da Stanley não é só sobre vender garrafas; é sobre vender um estilo de vida. Com um marketing inteligente e uma mensagem de marca consistente, eles criaram um ecossistema onde ter um produto Stanley significa pertencer a uma comunidade. Esse senso de pertencimento transforma clientes em fãs fiéis.

Para os profissionais de marketing, a história da Stanley é uma fonte de lições valiosas. Autenticidade, engajamento estratégico com o público, aproveitar a nostalgia e abraçar as plataformas digitais não são apenas jargões, mas os pilares de uma estratégia de marca de sucesso. A Stanley mostra que entender seu público e atender genuinamente às suas necessidades pode transformar um produto simples em um ícone cultural.

Surfando na Onda Viral: A Maestria de Conteúdo da Stanley

A maestria de conteúdo da Stanley desempenhou um papel significativo em sua viralidade. Criando conteúdo compartilhável e envolvente que ressoava com o estilo de vida e valores de seu público, eles não só venderam produtos; eles criaram momentos. Seu uso estratégico de hashtags, desafios e parcerias com criadores de conteúdo transformou a garrafa Stanley em um símbolo de um estilo de vida vibrante e ativo que muitos desejam.

Quando a ícone da Geração Z, Olivia Rodrigo, declara seu amor pela garrafa Stanley, você sabe que a marca acertou em cheio. A lição aqui? Influenciadores podem transformar uma marca em um estilo de vida.

Uma garrafa Stanley agora simboliza uma pessoa bem hidratada, dinâmica e antenada. Não é só sobre a bebida; é sobre o que a sua garrafa diz sobre você. Aprendizado? Seu produto não é apenas um produto; é uma história.

Na era das redes sociais, sua marca é a história que você conta. As garrafas Stanley se tornaram contadoras de histórias nas mãos de cada usuário.

Engajamento com Autenticidade: Construindo Confiança e Lealdade

Um dos segredos do sucesso da Stanley é seu compromisso inabalável com a autenticidade. Em uma era em que os consumidores são bombardeados com anúncios e recomendações, a abordagem da Stanley foi refrescantemente genuína. Eles se concentraram em construir relacionamentos reais com seu público, engajando-se em conversas e ouvindo feedback. Esse engajamento autêntico criou um profundo senso de confiança e lealdade entre os consumidores, tornando a marca não apenas uma escolha, mas uma comunidade.

Domínio do Marketing FOMO: A Urgência em Cada Gole das Garrafas Stanley

O medo de perder (FOMO – do inglês ‘fear of missing out’) não é apenas uma tática psicológica; é o ingrediente secreto da Stanley. Edições limitadas, colaborações e lançamentos esgotados criam um senso de urgência que todo profissional de marketing sonha em alcançar.

As garrafas Stanley esgotando mais rápido que pão quente não é mágica; é FOMO em ação. 

A exclusividade pode ser uma ferramenta poderosa, e a Stanley usou isso com maestria. Ao tornar certos produtos ou cores disponíveis por tempo limitado, eles criaram um senso de urgência que impulsionou as vendas e o burburinho nas redes sociais. Essa estratégia de escassez e exclusividade não só fez com que possuir uma garrafa Stanley se tornasse um símbolo de status, mas também aumentou ainda mais seu desejo.

De US$ 75 milhões para impressionantes US$ 750 milhões em vendas apenas em 2023 – essa é a transformação da Stanley. A mudança estratégica da empresa, liderada por Terrence Reilly, mostra o impacto de uma reformulação de marca bem executada.

No marketing, a reinvenção não é uma opção; é uma necessidade. A história de sucesso da Stanley é um testemunho disso. 

Alavancando Conteúdo Gerado pelo Usuário: Os Verdadeiros MVPs

Central para o sucesso viral da Stanley foi seu uso hábil de conteúdo gerado pelo usuário (UGC). Ao incentivar e exibir as experiências reais dos clientes, as garrafas Stanley se tornaram mais do que um produto; elas se tornaram uma experiência compartilhada. Além disso, esse UGC não só forneceu recomendações autênticas, mas também ampliou o alcance da marca exponencialmente, tornando cada cliente um embaixador em potencial.

Parcerias que Fazem a Diferença

A colab com a Starbucks não só criou um burburinho; ela gerou filas que dobravam quarteirões. A lição para os profissionais de marketing? Colaborações devem ser mais do que uma fusão de logotipos; elas devem contar uma história que cativa o público.

[embedded content]

Uma colaboração deve parecer um filme de sucesso – ansiosamente antecipado, completamente desfrutado e deixando o público querendo mais. A Stanley acertou em cheio.

O legado centenário da Stanley não é um relicário do passado; é uma força motriz por trás de seu sucesso contemporâneo. Equilibrar nostalgia com inovação é um desafio de marketing, e a Stanley está fazendo isso muito bem.

Inovação sem raízes é uma árvore sem galhos. As garrafas Stanley têm raízes profundas, e é por isso que elas podem alcançar o céu.

A Arte de Construir Comunidade

Além de ser um recipiente para bebidas, as garrafas Stanley se tornaram um símbolo de comunidade. De fóruns online a encontros locais, os fãs da marca estão criando uma comunidade. Profissionais de marketing, tomem nota: seu produto não é apenas uma mercadoria; é um conector.

Na era digital, a comunidade é uma moeda. As garrafas Stanley se tornaram o emblema de uma comunidade que bebe junta e permanece junta.

Conclusão: Uma Odisseia de Marketing com a Stanley

Então, por que as garrafas Stanley são tão populares? Não é apenas o aço inoxidável ou as cores vibrantes; é a capacidade da marca de se adaptar, se reinventar e se tornar um símbolo de estilos de vida diversos. De suas origens utilitárias a se tornarem um fenômeno global, a jornada da Stanley é uma história de adaptabilidade, inovação e um profundo entendimento da psique humana.

Como vimos, a popularidade das garrafas Stanley vai muito além de sua funcionalidade. É uma história de genialidade no marketing, onde entender o comportamento do consumidor, alavancar as redes sociais e manter-se fiel aos valores da marca pode criar uma sensação viral. Então, para todos os profissionais de marketing, peguem uma página do livro da Stanley: inovem, envolvam-se e sempre, sempre ouçam seu público. No mundo do marketing, as melhores histórias são aquelas vividas pelos próprios clientes.

A ascensão da Stanley é mais do que um estudo de caso; é um plano para a imortalidade da marca na era digital. Ao unir tradição com tendências e qualidade do produto com narrativa perfeita, a Stanley não apenas vendeu garrafas; eles criaram uma cultura. E nesta cultura, todos estão convidados à mesa, garrafa na mão, prontos para fazer história.

Explorando o Potencial do Conteúdo Gerado por Funcionários: Um Guia Completo sobre EGC

Bem-vindo ao mundo do Conteúdo Gerado por Funcionários (EGC), onde a voz dos seus colaboradores se torna a força motriz por trás da construção de marcas de sucesso. A sigla EGC vem do inglês: Employee Generated Content. Se você está se perguntando o que diabos é EGC, relaxe – você não está sozinho. Vamos desvendar esse mistério e explorar como essa estratégia pode transformar sua marca.

Afinal, O Que é Conteúdo Gerado por Funcionários (EGC)?

Em termos simples, EGC é como um abraço virtual entre autenticidade e o poder dos seus funcionários. Este é o conteúdo – seja na forma de vídeos, imagens, posts em redes sociais ou blogs – criado e compartilhado pelos próprios membros da sua equipe. Imagine como um espiada por trás das cortinas da sua empresa, onde seus funcionários se tornam os contadores de histórias, compartilhando suas experiências de forma orgânica.

French Film GIF by Coolidge Corner Theatre

Por Que o EGC é Importante: Confiança, Confiança, Confiança

Agora, você pode estar se perguntando: “Por que me preocupar com EGC?” Bom, o fato é que tudo se resume à confiança – a moeda de ouro no mundo do branding. Mais importante ainda, estudos mostram que incríveis 92% dos consumidores confiam mais no conteúdo online de amigos, colegas e familiares do que em qualquer outra forma de mensagem de marca. Quando seus funcionários falam, as pessoas ouvem. 

A pesquisa de Edelman até descobriu que os especialistas da empresa são confiáveis em 66% das vezes. Essa é a credibilidade que o dinheiro não pode comprar.

Mas, ok, entendemos. A ideia de deixar seus funcionários soltos na criação de conteúdo pode parecer um pouco estranha. Será que todos serão escritores, gurus das redes sociais ou profissionais na criação de conteúdo? Provavelmente não. E tudo bem.

Lidando com Preocupações: EGC não é terra de ninguém

Claro, existem algumas preocupações comuns quando se trata de EGC:

  • Nem Todos São Escritores Talentosos: Nem todo funcionário é um Shakespeare com o teclado. Alguns podem não se sentir confortáveis com as complexidades de postar nas redes sociais ou criar conteúdo de alta qualidade. E está tudo bem – a diversidade é o tempero da vida.
  • Investir Tempo e Recursos: Treinar funcionários para se tornarem criadores de conteúdo não acontece da noite para o dia. Leva tempo, esforço e recursos. Criar conteúdo que realmente reflita a essência da sua marca é uma jornada, não uma corrida de 100 metros.

Mas não tema! Os benefícios de adotar o EGC superam em muito as preocupações.

O Lado Bom da Coisa: Benefícios do Conteúdo Gerado por Funcionários

  • Injeção de Credibilidade: Seus funcionários são insiders, as vozes confiáveis. As audiências acreditam neles mais do que em mensagens de executivos ou conteúdo genérico de marketing. O EGC transforma sua força de trabalho em uma legião de embaixadores da marca.
  • Perspectivas e Ideias Inovadoras: Marketing é fantástico, mas outros departamentos trazem perspectivas e ideias únicas para a mesa. O EGC mostra uma cultura de inovação e abertura a pontos de vista diversos.
  • Engajamento de Funcionários Potencializado: O EGC dá voz à sua força de trabalho, fazendo com que se sintam valorizados e engajados. Quando os funcionários veem seus colegas ativamente envolvidos na criação e compartilhamento de conteúdo, isso promove um sentimento de pertencimento.
  • Marketing Enxuto: Quem não gosta de economizar alguns reais? Em vez de desembolsar dinheiro para anúncios pagos, deixe seus funcionários fazerem o trabalho pesado. Alcance orgânico por meio de sua própria equipe constrói confiança e reduz os gastos com publicidade.
  • Imã de Talentos: Os candidatos a emprego percebem quando os funcionários compartilham seu amor pela empresa. É um farol para os grandes talentos, mostrando uma cultura de trabalho única que atrai os melhores do ramo.

EGC e Arte de Contar Histórias: Uma História de Amor

Contar histórias para sua marca pode ser uma virada mágica com o EGC. Trata-se de mudar o foco da marca para os funcionários, transformando-os em contadores de histórias. Veja como:

  • O Dia-a-Dia: Permita que os funcionários gravem vídeos rápidos em seus smartphones, documentando um dia típico de trabalho. É autêntico, cru e dá aos outsiders uma visão genuína da cultura da sua empresa.
  • Os Bastidores: Mostre a magia por trás de eventos e marcos importantes. O que está envolvido na orquestração desses momentos inesquecíveis? Deixe seus funcionários contar tudo.
  • Crônicas da Liderança: Histórias de executivos adicionam um toque de glamour. Líderes compartilhando trechos de seus dias de trabalho, processos de tomada de decisão e desafios enfrentados criam um fio conectivo com o público.
  • Narrativas Temáticas: Funcionários compartilhando histórias sobre inovação de produtos, prêmios, mudanças de política, conquistas pessoais – é um buffet de conteúdo diversificado que reflete a tapeçaria da sua organização.

Um ótimo exemplo de EGC em ação é a Hootsuite. A gigante de gerenciamento de mídias sociais usa #HootsuiteLife para exibir o EGC globalmente, dando aos futuros contratados um gostinho de sua cultura de trabalho única.

Instagram

A Evolução do Conteúdo Gerado por Funcionários: É Imprescindível, Não um Acessório

O EGC surgiu como uma força a ser reconhecida no cenário de conteúdo gerado pelo usuário. Definido como conteúdo – abrangendo fotos, vídeos, posts em redes sociais ou avaliações – criado por funcionários atuais, antigos ou potenciais sobre uma marca ou cultura da empresa, o EGC se tornou indispensável.

Por que a mudança de algo bom para algo necessário? Porque o EGC supera o conteúdo criado pela marca, recebendo 10 vezes mais seguidores do que contas de marca e um aumento 8x maior no engajamento. Os consumidores confiam intrinsecamente no conteúdo criado por pessoas em vez de conteúdo criado pela marca. Isso não é apenas uma tendência; é uma mudança fundamental na forma como as audiências percebem e interagem com as marcas.

O Trio Poderoso: Defesa da Marca, Engajamento de Funcionários e Recrutamento

Vamos explorar os benefícios tangíveis de adotar o Conteúdo Gerado por Funcionários:

1. Defesa da Marca:

  • Os funcionários se tornam embaixadores da marca, compartilhando experiências autênticas com sua empresa.
  • O EGC fornece um alto nível de autenticidade e confiança, reduzindo custos, aumentando as vendas e fomentando funcionários motivados e engajados.

2. Engajamento e Retenção de Funcionários:

  • O EGC promove um senso de camaradagem, fazendo com que os funcionários se sintam parte de uma equipe com uma missão compartilhada.
  • Na era da “Grande Resignação”, o EGC se torna uma ferramenta poderosa para combater a desconexão e aprimorar o engajamento e a retenção da equipe.

3. Recrutamento:

  • Testemunhos autênticos de funcionários falam mais alto do que promoções de recrutamento.
  • Os funcionários se transformam em recrutadores, conectando sua empresa a um pool de talentos alinhados com seus valores.

Tipos de Conteúdo Gerado por Funcionários: Além de Tweets e Stories no Instagram

O conteúdo gerado por funcionários vem em várias formas e tamanhos, refletindo a diversidade de sua força de trabalho. Alguns tipos comuns incluem:

  • Posts em redes sociais: Trechos rápidos capturando momentos diários no trabalho.
  • Avaliações: Avaliações honestas do ambiente de trabalho compartilhadas em plataformas como Glassdoor.
  • Artigos e postagens em blogs: Narrativas aprofundadas sobre experiências pessoais e insights.
  • Fotos: Narrativa visual, desde fotos dos bastidores até celebrações da equipe.
  • Vídeos internos de treinamento: Conteúdo educacional criado por funcionários para funcionários.
  • Programas de compartilhamento de conhecimento: Iniciativas colaborativas compartilhando expertise entre departamentos.
  • Newsletters internas: Atualizações e destaques impulsionados por funcionários.
  • Mural de avisos: Quadros virtuais ou físicos apresentando contribuições dos funcionários.
  • Estudos de caso: Explorações aprofundadas dos papéis e jornadas de carreira dos funcionários.
  • Vídeos de recrutamento: Vídeos personalizados incentivando futuros contratados a se juntarem à equipe.

Conteúdo Gerado por Funcionários em Ação: Exemplos Reais que Inspiram

Empresas estão aproveitando o EGC de maneiras inovadoras. Pegue a Dell Blue como exemplo, uma agência criativa que trabalha com a Dell, que compartilha um vídeo da equipe em sua página “Sobre”, oferecendo um vislumbre da cultura de trabalho da agência e apresentando sua vibrante Dell Blue Crew. Essa abordagem não é apenas sobre recrutamento; é sobre mostrar a essência do ambiente de trabalho.

[embedded content][embedded content]

Via DellBlue

Michael Alexis, CEO da TeamBuilding, defende o EGC por meio de estudos de caso de funcionários. Esses depoimentos fornecem aos candidatos em potencial uma janela para experiências reais, construindo confiança e autenticidade. Eis o que ele sugere:

Trabalhe com os funcionários para criar estudos de caso sobre seus papéis e carreiras, ou depoimentos sobre sua experiência com a organização. O motivo pelo qual materiais como esses são tão eficazes é que eles mostram aos leitores ‘alguém como você confiou em mim e teve uma experiência assim’. Esses materiais podem ajudar você a atrair mais candidatos qualificados, além de contratar e reter talentos de sucesso.

Aqui na Rock Content, nossos Rockers estão constantemente motivados a compartilhar suas experiências e conhecimento. Tanto conteúdo incrível foi criado com essa iniciativa! Como este post sobre o marketing do filme Barbie, muito bem escrito por Vanessa, uma de nossas especialistas em conteúdo. Guilherme, nosso analista de marketing, escreveu sobre seus testes para melhorar a conversão com teste A/B, e também nosso VP de Marketing, Giu Caltabiano, escreveu sobre SEO na era da IA, e muitas outras contribuições que fizeram para nosso processo de criação de conteúdo!

Alguns Rockers também gostam de vídeos! Erick compartilhou 5 dicas sobre conteúdo interativo. E às vezes só precisamos rir um pouco sobre nossas rotinas de marketing! Você entendeu a ideia… 😀

Incentivando o Ecossistema do EGC: Como Iniciar

Agora, você pode estar se perguntando: “Como faço para envolver meus funcionários com o EGC?” Aqui estão quatro estratégias:

  • Crie uma hashtag específica da marca: Organize e categorize o EGC criando hashtags únicas. Isso não apenas inspira os funcionários, mas também ajuda na descoberta e organização de conteúdo.
  • Estabeleça expectativas claras: Mostre o tipo de conteúdo que você está procurando publicando e compartilhando conteúdo gerado pelo funcionário (EGC) que esteja alinhado com a narrativa da sua marca.
  • Mostre o envolvimento da liderança: O envolvimento da liderança é fundamental. Quando os funcionários veem os líderes participando ativamente do EGC, isso define o tom e incentiva uma participação mais ampla.
  • Realize concursos: Crie um concurso no qual os funcionários possam enviar fotos, vídeos e depoimentos. Isso não apenas gera EGC, mas também transforma isso em uma atividade divertida e envolvente.

Onde Mostrar o Brilho do EGC: De E-mails Internos a Eventos de Negócios

Depois de acumular um tesouro de EGC, o próximo passo é garantir que ele receba o destaque que merece. Aqui estão alguns caminhos:

  • E-mails internos e externos: Compartilhe o EGC por meio de e-mails em toda a empresa e newsletters internas.
  • Sinalização digital: Exiba o EGC em telas dentro do local de trabalho para que todos possam ver.
  • Contas de redes sociais da marca: Reaproveite o EGC nos canais oficiais de redes sociais da marca.
  • Blogs da marca: Apresente o EGC em postagens de blog, narrando histórias autênticas.
  • Anúncios ou vagas de emprego: Aprimore os esforços de recrutamento inserindo o EGC em anúncios e listagens de empregos.
  • Eventos e feiras de negócios: Mostre o EGC durante eventos da empresa e feiras de negócios para atrair talentos em potencial.
  • Páginas de carreira: Use o EGC para dar vida às suas páginas de carreira, oferecendo um olhar genuíno para a cultura do seu local de trabalho.

Tornando o EGC uma Parte Natural de sua Estratégia de Marketing

Mas então, como você pode integrar perfeitamente o EGC em seus esforços de marketing? Aqui estão algumas estratégias:

Destaque o Conhecimento dos Funcionários: Dedique um dia ou mês para destacar o conteúdo de funcionários compartilhando sua experiência. Isso pode ser feito na forma de sessões internas de compartilhamento de conhecimento, artigos no LinkedIn ou vídeos.

Substitua o Boletim Informativo Interno: Em vez de compilar anúncios, crie um espaço para os funcionários compartilharem atualizações, vídeos e solicitações. Isso promove um senso de comunidade e engajamento.

Transmita Sua Cultura Online: Reaproveite o EGC nos canais de redes sociais da sua marca. Compartilhe fotos, avaliações e depoimentos para mostrar a cultura da sua empresa e apoiar seus funcionários.

Aproveite os Funcionários para Amplificação no LinkedIn: Se sua empresa lançar uma nova iniciativa, incentive os funcionários a compartilhar postagens em suas contas de redes sociais. Isso aumenta exponencialmente seu alcance e é uma ferramenta poderosa para a defesa da marca.

O Futuro do Marketing: Surfando na Onda do EGC

Concluindo, o surgimento do Conteúdo Gerado por Funcionários (EGC) não é apenas um momento passageiro no cenário de marketing; é uma onda gigante remodelando como as empresas se conectam com seu público. À medida que navegamos nessa onda, vamos recapitular as principais lições:

O EGC é um Catalisador para Autenticidade:

O EGC traz uma sensação de autenticidade que ressoa com o público. Em um mundo inundado de mensagens de marca, as pessoas anseiam por experiências genuínas e humanas. O EGC oferece exatamente isso.

Confiança, a Moeda do Momento:

A confiança é a nova moeda no marketing. O EGC, sendo intrinsecamente mais confiável do que o conteúdo criado pela marca, constrói pontes de confiança com seu público, promovendo conexões duradouras.

Histórias de Funcionários, a Pulsação da Sua Marca:

Seus funcionários são a pulsação de sua marca. Através do EGC, suas histórias se tornam a força motriz que molda a cultura da sua empresa, envolve sua força de trabalho e atrai o talento certo.

EGC como um Motor de Recrutamento:

No cenário competitivo de aquisição de talentos, o EGC surge como uma ferramenta de recrutamento poderosa. Os futuros funcionários procuram mais do que apenas descrições de emprego; eles anseiam por vislumbres da verdadeira experiência do funcionário.

Integração Perfeita para Impacto Duradouro:

Para aproveitar o EGC de maneira eficaz, integre-o perfeitamente em sua estratégia de marketing. Seja através de showcases internos de conhecimento, newsletters ricas em cultura ou amplificação de sua marca no LinkedIn, torne o EGC um componente essencial.

O Gran Finale: A Melodia do EGC no Marketing:

Na grandiosa sinfonia do marketing, o EGC não é uma nota passageira, mas a melodia que ressoa, criando harmonia e construindo marcas duradouras.

Portanto, enquanto você embarca em sua jornada de EGC, lembre-se – não se trata apenas de mostrar sua marca; trata-se de contar as histórias que a definem. Seus funcionários são os autores, e o EGC é a caneta que dá vida às suas narrativas.

Ao navegarmos pela paisagem sempre em evolução da comunicação digital, que o Conteúdo Gerado por Funcionários seja a bússola que o orienta em direção a um futuro onde a autenticidade triunfa, a confiança prevalece, e sua marca se torna uma sinfonia atemporal nos corações do seu público.

Um brinde aos contadores de histórias, os defensores e os heróis desconhecidos moldando a narrativa da sua marca – seus funcionários. Bora contar suas histórias!

O Google vai acabar com os cookies, mas não totalmente: Tudo o que você precisa saber

Apesar do cenário de constantes mudanças do marketing digital, o Google surpreendeu a todos ao tomar a decisão de acabar com os cookies de terceiros para alguns usuários do Chrome. Há poucos dias, o Chrome eliminou os cookies de 30 milhões de usuários, ou cerca de 1% de toda sua base. Além disso, os cookies no Chrome serão completamente eliminados até o final deste ano – ou quase!

Cookie GIF by NBC

A verdadeira história dos cookies 

A mudança que o Google fez em relação aos cookies de terceiros é um grande avanço no debate constante sobre a privacidade do usuário e a busca por anúncios personalizados. Essa mudança está obrigando as empresas a repensar suas estratégias publicitárias, encorajando a criatividade em um ambiente em que a privacidade do usuário é prioridade.

Como isso impacta as plataformas SaaS?

A falta de cookies de terceiros cria obstáculos e oportunidades para as empresas do setor de Software como Serviço (SaaS), que estão fortemente concentradas em anúncios direcionados. As empresas de SaaS terão que reconsiderar suas estratégias de anúncio sem esses cookies. O estudo de diferentes estilos de anúncios, o uso de seu próprio conjunto de dados ou o uso de tecnologias inteligentes como a Inteligência Artificial, para fornecer orientação precisa, podem ser exemplos disso.

E o que muda no marketing B2B?

No setor de business-to-business (B2B), dizer adeus aos cookies exige uma reconstrução de estratégia. Profissionais de B2B devem considerar a adoção de táticas como marketing baseado em contas, aprimoramento de estratégias de conteúdo, melhoria de sistemas de gerenciamento de relacionamento com o cliente (CRM), exploração de iniciativas colaborativas dentro da comunidade B2B e avaliação do impacto dessa mudança em setores como indústria, finanças e saúde.

Privacy Sandbox: O Novo Jogo do Google

Mas não se preocupe! O Privacy Sandbox do Google é um recurso valioso. Ao garantir um ambiente sólido de privacidade, essa iniciativa visa mudar a forma como monitoramos os dados dos usuários. 

SaaS e B2B podem aproveitar isso, buscando o melhor equilíbrio entre fornecer aos usuários uma experiência personalizada e proteger seus dados.

A colaboração na comunidade Privacy Sandbox pode fortalecer o espírito de equipe, ajudando os times a superar obstáculos, aproveitar oportunidades importantes e navegar pelas leis de privacidade globais.

Simples passos para a adaptação de SaaS e B2B

Verifique como seus dados são armazenados:

Profissionais de marketing B2B e fornecedores de SaaS devem revisar cuidadosamente suas práticas de dados para garantir que elas estejam alinhadas com os novos padrões de privacidade. Colaborar em auditorias dentro de grupos do setor pode trazer alguns insights e promover uniformidade.

Uso Inteligente de Dados Primários: 

As plataformas SaaS podem colocar seus dados primários para trabalhar de forma estratégica, mantendo os anúncios direcionados e respeitando as regras de privacidade.

Isso pode envolver a criação de recompensas atraentes para usuários que compartilham dados e a oferta de serviços relevantes com base nas informações fornecidas por eles diretamente.

Conectando-se à tecnologia de ponta e anúncios contextuais:

Entusiastas de B2B podem se concentrar em anúncios contextuais, mergulhando na essência do conteúdo e entendendo como os usuários interagem com ele. 

Eles também estão se inserindo em novas tecnologias, aproveitando a Inteligência Artificial para refinar seu direcionamento. 

Colaborar com especialistas em tecnologia permite se manter à frente nas tendências tecnológicas e compreender as implicações do ‘Metaverso’ para a publicidade.

Informe o Usuário e Seja Transparente:

Ambas as equipes de SaaS e B2B podem obter êxito ao manter os usuários informados. Fornecer insights essenciais sobre práticas de dados constrói confiança.

Além disso, oferecer aos usuários informações sobre por que os anúncios direcionados são atraentes pode criar uma legião de usuários engajados e antenados.

Mudanças para Profissionais de Marketing:

Os profissionais de marketing estão desbravando esse novo território. A mudança de cookies é como recalcular a rota do GPS, levando esses profissionais a flexibilizar suas habilidades com novos dados, criar campanhas contextuais matadoras, mergulhar em novas tecnologia, promover o trabalho em equipe e ficar por dentro das novidades e tendências da sua indústria.

Dando uma espiada no que está por vir:

Além do burburinho da mudança nos cookies do Google, vamos dar uma visão mais O foco está em coisas como:

  • Dar aos usuários o controle: as regulamentações globais de privacidade, como o GDPR e o CCPA, estão dando aos usuários mais controle sobre seus dados. 
  • A ascensão da tecnologia: a tecnologia legal, como a criptografia e a anonimização, está ajudando as empresas a proteger os dados dos usuários de forma mais eficaz.
  • O surgimento de novas tecnologias: o Metaverso e outras novas tecnologias estão levantando questões sobre privacidade de dados.

.

A colaboração com os colegas do setor pode ajudar as empresas a se alinharem com essas tendências e aproveitar as oportunidades que elas oferecem. Por exemplo, as empresas podem colaborar para desenvolver novos padrões de privacidade ou para compartilhar insights sobre como as novas tecnologias estão impactando a privacidade de dados.

Onde a privacidade e as ideias legais se fundem:

Claro, as regras de privacidade podem ser um pouco difíceis de entender, mas também são o toque secreto que faz a inovação na tecnologia ferver. Os rockers do SaaS e B2B podem usar esse tempo de transição para criar ideias novas, não apenas para seguir as regras, mas para estabelecer novos padrões para o tratamento de dados.

O ponto onde privacidade e as boas ideias se encontram é onde a verdadeira mágica acontece – com tecnologia de ponta focada na aprovação do usuário, transparência e dando aos dados aquele tratamento VIP merecido.

A Nova Era Digital Pós-Mudança de Cookies do Google

À medida que as equipes de SaaS e B2B navegam nessa onda de transformações na cena do marketing digital, o mais importante é unir forças e olhar para frente.

Promover a privacidade, esclarecer usuários sobre vantagens e desvantagens, gerenciar dados primários com expertise e explorar novas tecnologias não são apenas respostas a desafios, mas estratégias inteligentes para criar um ambiente digital ético, amigável e repleto de inovação.

Nesta era de revolução digital, onde a privacidade é a chave do sucesso, as empresas que se sobressaem nesses princípios não estão apenas cumprindo requisitos de conformidade – elas lideram na promoção de experiências positivas. 

O caminho adiante exige manter o ritmo, engajar-se nas discussões e cumprir a promessa de um ambiente online onde os usuários se sintam seguros, valorizados e no controle de sua jornada digital.

Últimas palavras

Em resumo, o declínio dos cookies não marca o fim da personalização; é um palco aberto para as empresas redefinirem seu engajamento com o público. 

Ao navegar pelos padrões de privacidade em constante evolução, as equipes de SaaS e B2B não apenas acompanham a jornada – elas estão abrindo caminho para o futuro do marketing digital.

A jornada ainda está em andamento, mas a parada final promete uma cena que gira em torno de promover a inovação e a privacidade do usuário.

Considere este artigo seu acesso aos bastidores, dando aos profissionais de marketing as informações e estratégias para navegar em águas agitadas. À medida que a arena digital continua girando, estar por dentro, saber aproveitar as mudanças e construir conexões, fatalmente levará ao sucesso.

Encarar o futuro do marketing digital exige mais do que apenas percepções – requer maestria. Pronto para reinventar sua estratégia de conteúdo pós a revolução nos cookies do Google? 

Eleve sua estratégia com o WriterAccess e tenha acesso a profissionais qualificados, IA inovadora e 14 dias para explorar! Transforme sua abordagem; faça seu teste gratuito agora.

3 Ferramentas de IA Que Profissionais de Marketing Devem Usar Dentro da WriterAccess

O uso da Inteligência Artificial já se tornou comum no cotidiano de profissionais e equipes de marketing. De acordo com o relatório Tendências de AI Trends for Marketers 2023, 48% das equipes e profissionais de marketing utilizam a IA para a criação de conteúdo. 

Não é por menos: trata-se de um mecanismo poderoso para ampliar a produção de conteúdo e manter uma estratégia consistente—claro, se usado com responsabilidade para não comprometer a qualidade da estratégia.

E é justamente entendendo a importância do toque humano na criação de conteúdo e dos benefícios gerados pela IA que a Rock Content reuniu o melhor dos dois mundos em um marketplace de talentos: a WriterAccess.

A WriterAccess é o nosso marketplace de conteúdo, que oferece acesso a uma base de talentos cuidadosamente selecionada, composta por redatores, designers, editores, tradutores e estrategistas com diversas especializações, capazes de criar conteúdos em uma variedade de formatos e níveis de complexidade. 

Além disso, a plataforma integra ferramentas de IA para tornar o processo ainda mais eficiente.

Existem diversas maneiras pelas quais as ferramentas de IA do WriterAccess podem otimizar e expandir o processo de criação de conteúdo. Neste artigo, apresento as três que mais utilizo em meu cotidiano para garantir a eficiência na criação e no planejamento de conteúdo.

1. Criação e Manutenção de Personas

Ter personas atualizadas é fundamental para qualquer estratégia de marketing de conteúdo. Elas servem para aprofundar nosso conhecimento sobre nosso público, o valor do nosso produto para ele, definir os canais de comunicação, linguagem, tom de voz, dentre vários outros benefícios.

Uma das mais recentes ferramentas de Inteligência Artificial da WriterAccess é o AI Persona Builder

Ela cria personas de forma ágil e eficiente com base em dados. Basta alguns prompts e o domínio do seu site, e pronto: a IA é capaz de levantar os dados necessários, como modelo de negócio, dores do público-alvo e resumo da empresa. Esses dados alimentam a Inteligência Artificial para gerar personas precisas e aderentes aos seus produtos e negócio.

Utilizando o AI Persona Builder, eu consigo definir minhas personas baseadas em dados, editá-las e atualizá-las com rapidez e eficiência. 

Com isso, eu garanto mais assertividade em minhas estratégia de Marketing de Conteúdo, e consigo fornecer mais informações para os redatores da WriterAccess para a criação de conteúdos ainda melhor direcionados.

2. Definição de tópicos

Agora que sabemos quem é a nossa persona, precisamos garantir uma produção de conteúdo recorrente e relevante que a alcance. 

Para isso, você precisa pensar em conteúdos estratégicos, que vão de encontro com as necessidades da sua persona e aos seus serviços e soluções.

Para te ajudar nessa etapa, a WriterAccess também criou e implementou duas ferramentas de Inteligência Artificial, o AI Content Wizard e o AI Content Idea Generator (esse último nas versões pagas e gratuita, disponível para não assinantes da plataforma). 

O primeiro, AI Content Wizard, traz sugestões de conteúdo baseado em seus dados ou em um tema específico—você traz o tema, e a IA ajuda a propor conteúdos com base em dados. 

Os temas são sugeridos com base em uma análise de gap levando em consideração palavras-chave, sua indústria e concorrentes que demoraria horas (se não dias) para ser feita por um especialista. 

Com apenas cinco prompts, ele te ajuda a explorar melhores oportunidades para conseguir tráfego orgânico. Essa IA é particularmente boa para estratégia de Topic Clusters, ou seja, grupos de conteúdo em torno de um tópico principal de forma interconectada. 

Uma estratégia de Topic Cluster tem como objetivo impulsionar os resultados de rankeamento para uma palavra-chave específica, normalmente aquela de maior importância e dificuldade para seu mercado.

Já o AI Content Idea Generator, por sua vez, sugere tópicos de três formas: pela análise do domínio, por outros conteúdos que você já solicitou antes na WriterAccess ou através de detalhes como palavras-chave, audiência e descrição dos seus produtos/serviços. 

É mais genérico que o AI Content Wizard, mas pode ajudar a superar bloqueios criativos e ter novas ideias de forma rápida. 

Ambas são complementares e trabalham fortemente na escalabilidade da produção de conteúdo, continuidade da estratégia e alinhamento de tópicos. 

3. Desenvolvimento de uma Estratégia de Backlinks

A estratégia de backlink funciona como uma indicação de um site para outro, uma linkagem que funciona como uma referência e, assim, impacta diretamente na aquisição de tráfego, fortalecimento de marca, e construção de relacionamentos.

Sabendo da sua importância para SEO, para o desenvolvimento estratégico e o crescimento da marca, a WriterAccess desenvolveu o AI Backlink Matcher, que funciona basicamente como um aplicativo de relacionamento, mas que ao invés de unir casais, une empresas com compatibilidade de interesses para a construção de novos conteúdos em parceria, ou para trabalharem a autoridade de domínio nos conteúdos já produzidos em seus respectivos blogs. 

Para funcionar, o AI Backlink Matcher solicita algumas informações para entender mais sobre o que você busca e o que pode ofecer em uma parceria e, assim, te conectar com empresas relevantes.

Dessa forma, além de ter a persona construída e de ter tópicos sugeridos de forma recorrente e estratégica,  você consegue dentro da plataforma encontrar outras empresas que, assim como a sua, estará escalando as estratégias de SEO com táticas bem sucedidas como backlinks. 

Conclusão

Garantir que a produção de conteúdo esteja rodando, com qualidade e escala, de forma eficiente pode ser um enorme desafio. É por isso que, quanto mais centralizarmos nossas operações em uma única plataforma, melhor. 

Usando a ampla base de talentos da WriterAccess, suas ferramentas de gestão de produção de conteúdo e ferramentas de Inteligência Artifical, é possível garantir mais eficienência, escalabilidade e assertividade. 

E, com base nas cinco etapas da estratégia de marketing de conteúdo, conseguimos cobrir planejamento, definição de persona e criação de conteúdo. 

Faça um teste gratuito por 14 dias para entender se faz sentido incluir na rotina do seu time de marketing.

O que é a Search Generative Experience que chegou ao Brasil e como impacta o SEO?

Chegou a vez do Brasil de ter a Inteligência Artificial do Google nas pesquisas, onde poderemos navegar com ainda mais recursos nas buscas realizadas. A atualização foi feita no dia 8 de novembro, e está disponível para testes.

O Bard AI do Google vem para inovar as nossas buscas na SERP, com um tipo de “ChatGPT” para nos auxiliar em pesquisas mais aprofundadas com resultados mais assertivos.

Impulsionada pelos recentes avanços em inteligência artificial generativa, a empresa está redefinindo as capacidades do que um mecanismo de busca pode realizar. Segundo o Google, será viável desbloquear novas perguntas e consultas, revolucionando a organização de informações. Dessa forma, buscas por tópicos e conteúdos inovadores na web podem resultar em informações mais abrangentes e profundas.

O teste do experimento está disponível através do Search Labs, um programa do Google que permite aos usuários explorar e experimentar antecipadamente novas tecnologias e recursos de busca, além de compartilhar feedbacks.

Como funciona a Search Labs, programa de testes do Google
Resultado do teste com busca com a IA generativa do Google.
Resultado do teste com busca com a IA generativa do Google.

O teste deve ser feito com uma conta Google pessoal. O sistema não aceita testes em contas empresariais. Segundo o Google, os usuários serão capazes de entender um tópico com mais rapidez, descobrir novos pontos de vista e realizar tarefas com mais facilidade. 

Quais serão os impactos no mecanismo de busca?

São muitos os impactos nas pesquisas com inteligência artificial generativa integrada, mas separei alguns pontos importantes sobre isso que podem fazer mais diferença para profissionais de SEO e de conteúdo:

  • Buscas cada vez mais personalizadas;
  • Menos anúncios sendo mostrados nos resultados;
  • Criação de conteúdo mais personalizado e profundo será essencial para posições melhores na SERP;
  • Modo de ouvir e de conversa irá aprofundar as informações durante as pesquisas;
  • Será possível para o usuário, entender um tópico com mais rapidez, descobrir novos pontos de vista e realizar tarefas com mais facilidade;
  • Destaque para os conteúdos base com as fontes das informações mostradas na pesquisa com inteligência artificial.

Futuramente, os objetivos de SEO podem não ser mais alcançar as primeiras posições na SERP, mas sim tornar os conteúdos, destaques como o mostrado acima através do SGE, já que essa visibilidade será muito superior nos resultados para os usuários.

Portanto, como dito acima, a construção de conteúdos cada vez mais ricos será essencial para que os websites consigam mais atenção do público.

Como criar conteúdos mais impactantes na era da inteligência artificial?

Crie conteúdos cada vez mais aprofundados

Construir conteúdos cada vez mais completos pode ser de fato um desafio grande para as empresas. Porém, você pode pensar em pedir para profissionais especialistas dentro da sua empresa para criar bons conteúdos. Isso porque, quando um especialista no assunto fala sobre o que ele conhece, o conteúdo certamente ficará mais completo e personalizado.

Use IA para criar e formatar seus conteúdos

Quer criar conteúdos e está sem muitas ideias? Existem ferramentas que podem te ajudar a criar temas para conteúdos de maneira eficiente. É o caso do WriterAccess, onde você conta com o AI Content Idea Generator, que te dá ideias de conteúdos baseando-se no seu site. Veja um exemplo: 

Você pode utilizar o ChatGPT também para te ajudar com ideias, porém, você precisará saber dizer tópicos do conteúdo que quer construir.

Outra maneira de aproveitar a IA para formatar conteúdos de maneira mais rápida e eficiente, além do que você já conhece com o ChatGPT, é utilizar o AI Content Wizard

Use IA para refinar o conteúdo existente

Ferramentas como o ChatGPT também podem fornecer maneiras excelentes de melhorar ou reavaliar parte do conteúdo que você já possui.

Exemplos de como usar ferramentas de IA como o ChatGPT para refinar o seu conteúdo:

  • Peça à IA para sugerir sinônimos e antônimos incríveis para palavras comuns
  • Solicite ajuda para desenvolver ótimas ideias – como pedir sugestões sobre subtítulos adicionais para adicionar a uma lista para uma atualização de conteúdo
  • Explore sugestões de idiomas que podem ajudar a tornar seu conteúdo mais persuasivo, envolvente ou relevante para o tom escolhido
  • Tenha ótimas ideias de tópicos para conteúdo de acompanhamento

O ChatGPT e opções semelhantes, podem te ajudar a revisar os textos dos conteúdos e garantir que você irá entregar o melhor para o seu público.

“A construção de conteúdos cada vez mais ricos será essencial para que os websites consigam mais atenção do público.

Mais do que está por vir

Além do buscador, o Google anunciou uma atualização para o Google Translate, incorporando a inteligência artificial para lidar com palavras ambíguas que possuem vários significados. Essa melhoria visa proporcionar clareza aos usuários por meio de um menu suspenso. Embora essa funcionalidade ainda não esteja disponível, o Google planeja lançá-la em breve nos Estados Unidos, começando com traduções do inglês para o espanhol, e com perspectivas de expansão para outros idiomas aos poucos.

Além disso, o Google aprimorou a utilidade acadêmica do SGE ao introduzir um método interativo para explorar definições relacionadas a temas educacionais, como ciência, economia ou história, por meio de visões gerais baseadas em inteligência artificial.

O SGE veio para incentivar os usuários a fazerem perguntas de acompanhamento, transformando a experiência de um parágrafo estático gerado por IA em uma conversa mais dinâmica e fluida.

Após os testes finalizarem em maio de 2024, o Google quer integrar o SGE permanentemente nas páginas de resultados. Porém, ainda teremos que esperar quando isso de fato vai acontecer no Brasil.

Por ora, você pode se certificar de construir os melhores conteúdos com ferramentas que de fato irão fazer seu conteúdo alcançar o topo com o SGE integrado futuramente ao maior buscador do mundo. Por isso, conheça o WriterAccess com um trial de 14 dias gratuito, e conheça tudo o que a ferramenta pode oferecer para a sua estratégia de SEO e Conteúdo.

Quer continuar atualizado com as melhores práticas de Marketing? Então se inscreva na The Beat, a newsletter interativa da Rock Content. Lá, você encontrará todas as tendências que importam no cenário do Marketing Digital. Vejo você lá!

Pay-For-Play: As taxas de assinatura são o futuro de todas as plataformas de mídia social?

As principais mídias sociais do momento – Instagram, Facebook, TikTok e X – estão começando a desenvolver e testar modelos pagos de suas plataformas para remover anúncios publicitários. 

A rede social X, anteriormente popularizada como Twitter, já começou a testar esse modelo de cobrança com usuários do X na Nova Zelândia e nas Filipinas. O valor de US$ 1 é cobrado para novos usuários que querem ter acesso a plataforma.

De acordo com Elon Musk, em um post publicado em seu perfil na rede social, serão dois tipos de novos planos para usuários Premium, uma de custo mais baixo com todos os recursos, mas sem redução de anúncios, e a outra é mais cara, mas sem anúncios.

Desde a compra do Twitter no ano passado, Musk vem buscando formas de aumentar a receita da companhia de forma direta ou indireta, seja cobrando mensalidade dos usuários ou até mesmo gerando receita para os produtores de conteúdo que pagam pelas assinaturas da plataforma. 

Essas mudanças vêm gerando muitas insatisfações nos usuários mais antigos do antes conhecido Twitter, já que, de acordo com o site da empresa, os novos usuários que optarem por não assinar o serviço Premium estarão sujeitos a algumas restrições, como apenas ler publicações, assistir vídeos e seguir contas.

Enquanto isso, o TikTok…

De acordo com o site Android Authority, TikTok também está entrando na onda de adotar uma versão paga para remover anúncios para assinantes Premium da rede social, isso porque o site sugere que o código do app revela testes para adotar um sistema de assinaturas.

Esse serviço teria valor de US$4,99 (cerca de R$25,00 na conversão atual) e sua única função seria retirar as propagandas da plataforma, sem adição de nenhum recurso extra, pelo que parece. 

A TikTok confirmou ao TechCrunch que está testando este produto, mas apenas em um único mercado de língua inglesa fora dos EUA. De acordo com o blog, a assinatura irá cobrir apenas anúncios veiculados pelo TikTok e não campanhas de marketing de influenciadores. 

Fonte: Android Authority/2023

Uma enquete feita pelo Android Authority, mostra que a ideia de pagar para não ver anúncios no TikTok, ainda é impopular entre seus leitores – com 59% dos votos alegando que os leitores se “sentem bem” com os anúncios da rede social.

Um relatório divulgado pela empresa de pesquisa de mercado Cowen descobriu que o TikTok é adotado mesmo entre compradores de anúncios mais cautelosos, com 60% nomeando o TikTok como seu local preferido de vídeos curtos. O que reforça o fato da plataforma ser amplamente orientada por anúncios até o momento, ganhando a maior parte dos seus recursos através disso. 

O que resta saber é se uma assinatura sem anúncios conseguirá substituir significativamente uma parte dessa receita, seguindo os passos do X e do Youtube Premium, por exemplo.

Foco na Monetização

E claro que a Meta não iria ficar para trás nessa tendência de monetização das redes sociais, né? 

A empresa irá oferecer às pessoas na União Europeia e na Suíça, a opção de pagar por uma assinatura mensal para usar o Facebook e Instagram sem anúncios publicitários. Essa medida não prejudicará aqueles que optarem pelo não pagamento dos planos mensais das plataformas, podendo continuar a usar esses serviços gratuitamente enquanto veem anúncios relevantes para eles, da mesma forma acontece atualmente.

A Meta informa que para utilizar as redes sociais sem anúncios, as pessoas nesses países poderão se inscrever por uma taxa que pode custar €9,99/mês na versão web ou €12,99/mês no iOS e Android e até 1º de março de 2024, a assinatura inicial incluirá todos os perfis vinculados à Central de Contas de um usuário. 

No entanto, a partir de 1º de março de 2024, uma taxa adicional de €6 mês na web e €8/mês no iOS e Android será aplicada para cada conta adicional listada na Central de Contas do usuário.

De acordo com o divulgado no blog da empresa

“Essa iniciativa permite, também, que as pequenas empresas alcancem potenciais clientes, expandam os seus negócios e criem novos mercados, impulsionando o crescimento da economia europeia. E, como outras empresas, continuaremos a defender uma Internet apoiada por anúncios, mesmo com nossa nova oferta de assinatura na UE, no Espaço Econômico Europeu  e na Suíça. Mas respeitamos o espírito e o objetivo dos regulamentos europeus em evolução e estamos empenhados em cumpri-los.”

Quem optar por continuar usando os produtos da Meta gratuitamente, continuará sendo apoiado pelas ferramentas e configurações e não terá sua experiência afetada por conta dessas mudanças. 

Os anunciantes também poderão continuar a realizar campanhas publicitárias personalizadas na Europa para alcançar esses que optaram por continuar a receber um serviço online gratuito e com o suporte de anúncios.

E como isso afeta o mercado publicitário?

Enquanto os magnatas da tecnologia ganham com essas novas iniciativas, através de novas fontes de receitas, é possível que o mercado publicitário e as estratégias de marketing nas redes sociais sofram um recuo com as assinaturas Premium das redes sociais. 

A receita adquirida através de ADS nessas plataformas é bastante significativa e coloca em jogo se realmente a parcela de receita proveniente de assinaturas poderá substituir significativamente essa fonte de recursos. 

O que fica claro é que o mercado publicitário terá que investir mais em ações de marketing de influenciadores, já que esse tipo de “propaganda” continuará sendo permitido nas plataformas tanto para assinantes quanto para não assinantes. 

O ads continuará sendo um recurso muito importante, já que é possível que boa parte dos usuários das plataformas não adquiram os planos de assinatura mensal, porém, para atingir públicos de maior poder aquisitivo, possivelmente aqueles que optarão por uma assinatura Premium, será necessário partir para o investimento em influenciadores, sejam eles nano ou big influencers. 

Assim, será necessário pensar em campanhas mais criativas, que atinjam todos os tipos de usuários e que continue gerando engajamento e retorno sob o investimento de agências e empresas.

Volatilidade da SERP: o que você precisa saber para suas estratégias de SEO

Esse ano de 2023, em especial, tem sido um ano cheio de altos e baixos para profissionais de SEO. Literalmente. A volatilidade da SERP e os resultados têm subido e descido no Google após tantas atualizações principais do Core Update.

Dessa forma, muitos profissionais acabam ficando em dúvidas sobre o que fazer, qual estratégia adotar com tantas mudanças. 

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

O que é a volatilidade da SERP?

A volatilidade é a instabilidade na página de resultados do mecanismo de pesquisa (SERP) e se manifesta quando ocorrem flutuações significativas nas posições dos resultados ao longo de um período.

Quando a volatilidade é alta, as classificações no Google tornam-se caóticas e sujeitas a mudanças constantes. Por outro lado, quando a volatilidade é baixa, as posições dos resultados mantêm-se mais estáveis.

Eu até mesmo comparo ao clima de São Paulo, que de dia pode estar muito calor, de tarde pode chover e de noite voltar a ficar calor.

Veja como a SERP esteve instável para a Rock Content durante os últimos 30 dias no sensor da SEMRush:

Volatilidade nas SERPS nos últimos 30 dias no sensor da SEMRush

Com os pontos em amarelo em uma média de 9 para cima, isso significa que tivemos muita instabilidade no nosso site. Abaixo, podemos ver a nota geral e a média que mencionei durante os últimos 30 dias. 

Instabilidade da SERP para o site da rock content nos últimos 30 dias.

Mas essa instabilidade é boa ou ruim?

Depende. E não é papinho de SEO. A SERP estar instável não necessariamente significa que as posições das páginas do seu site estão ruins. As mudanças também podem ser para resultados melhores. Assim como as posições podem descer, elas também podem subir.

Além disso, essa volatividade também pode depender de outros fatores importantes: as atualizações no algoritmo do Google.

Tivemos atualizações em março, abril, agosto, setembro, outubro e novembro! Acredito que esse foi o recorde do Google com tantas atualizações no algoritmo principal. O atual, de novembro, continua em execução e deve durar 14 dias para finalizar sua atualização, como de costume.

Atualizações dos algoritmos no site do Google

Como temos visto atualizações praticamente todos os meses, é claro que essa instabilidade vai ser mais alta do que o normal. Outro fator também é a categoria do seu site. Existem categorias que podem ser mais afetadas do que outras.

Por aqui mesmo, apesar da instabilidade na SERP, em outubro vimos uma melhora significativa das palavras-chave melhorando de posição, um número bem maior do que as que pioraram de posição.

Desde maio, quando começaram as mudanças mais significativas, tivemos problemas com isso. Mas como já falei nesse post explicando o que fizemos para reverter a queda de tráfego e palavras-chave, agora podemos ver os frutos sendo colhidos.

Tendência de alterações na posição na SERP

Com a atualização principal de agosto, o Google enfatizou a criação de conteúdo de alta qualidade, resultando em impactos significativos nas posições dos sites na SERP. O Google costuma lançar atualizações fundamentais com o propósito de melhorar a experiência dos usuários finais, garantindo que eles obtenham os resultados de pesquisa mais valiosos e confiáveis.

Portanto, é crucial que todos os profissionais de SEO mantenham seu foco na qualidade, proporcionando uma experiência excepcional aos usuários e produzindo conteúdo de alta qualidade. Dessa forma, estaremos preparados para enfrentar os desafios que surgirem.

Como medir a volatividade do seu site na SERP?

Existem algumas ferramentas que medem a volatilidade da SERP. Normalmente, aqui na Rock, utilizamos a SEMRush, mas é essencial que você conheça mais de uma opção para comparar dados. Até porque, cada ferramenta tem seu próprio jeito de medir os resultados, embora sejam bem próximos.

Lembre-se, porém, que, cada ferramenta pode possuir cobranças e você também pode personalizar mais seus resultados – como é nosso caso com a SEMRush. Veja algumas opções disponíveis:

Lembre-se de continuar de olho no Google e as atualizações que estão sendo executadas no momento. É essencial que você, como profissional de SEO e/ou de conteúdo, esteja se informando constantemente sobre as mudanças na SERP. Vou continuar batendo nessa tecla: consumam o próprio Google como fonte para saber o que deve ser feito quando um algoritmo é atualizado.

Uma ideia: se seu negócio precisa de boas ferramentas de SEO e criar conteúdos em maior número, utilize o WriterAccess por 14 dias gratuitamente. Isso vai ajudar você a focar em análises importantes de SEO, enquanto conteúdos podem ser criados por freelances especialistas em vários nichos ao mesmo tempo!

Quer continuar atualizado com as melhores práticas de Marketing? Então se inscreva na The Beat, a newsletter interativa da Rock Content. Lá, você encontrará todas as tendências que importam no cenário do Marketing Digital. Vejo você lá!

Testado e aprovado: AI Persona Builder para criar buyer personas eficazes em minutos

Você provavelmente já sabe o que é uma buyer persona (e, se não sabe, recomendo a leitura deste post) e sua importância dentro de uma estratégia de marketing. Mas, talvez, ainda tenha insegurança na definição da(s) persona(s) da sua marca. 

Pois bem, como Inteligência Artificial se tornou o termo do momento, eu vou mostrar neste artigo como utilizar IA para deixar suas personas mais precisas utilizando o AI Persona Builder.

Trata-se de uma ferramenta que utiliza inteligência artificial para criar personas em minutos. Você pode encontrá-la dentro do WriterAccess, nosso marketplace de conteúdo freelancer.

Bem, não pense que serei institucional aqui. O objetivo deste artigo é mostrar, como profissional de marketing e SEO, como foi a minha experiência pessoal com a ferramenta, os benefícios para a minha rotina e colocar em diferentes cenários quais são as possibilidades no marketing digital.

Me acompanhe.

O que é o AI Persona Builder?

A principal função do AI Persona Builder, como o nome já diz, é criar ou aprimorar buyer personas utilizando a inteligência artificial. 

E ela faz isso de forma completa em minutos, personalizada para o seu conteúdo, com base em dados reais. 

Com a ferramenta você pode:

  • Analisar Dados: coletar e analisar dados fornecidos por clientes para identificar padrões e tendências de comportamento.
  • Criar Personas Personalizadas: usar algoritmos de IA para criar buyer personas mais precisas e detalhadas, considerando uma ampla gama de variáveis, como site da empresa, modelo de negócio, tamanho da empresa, etc.
  • Segmentação Avançada: ajudar a segmentar seu público-alvo em grupos menores e mais específicos com base nas personas criadas, permitindo campanhas de marketing mais direcionadas.
  • Personalização de Conteúdo: combinando o AI Persona Builder com o AI Content Wizard, você pode criar conteúdo personalizado que ressoe com as personas identificadas, aumentando a relevância das mensagens de marketing.
  • Otimização de Campanhas: auxiliar na otimização de campanhas de marketing, fornecendo insights sobre motivações, objetivos, desafios e redes sociais para otimizar estratégias de marketing digital.
  • Feedback Contínuo: permitir a melhoria contínua das personas à medida que novos dados são coletados e analisados.
  • Organizar e Categorizar Personas: o AI Persona Builder é capaz de reunir todas as suas personas em um só lugar, melhorando a visualização holística, a categorização e o armazenamento de dados.

Como falei no início, para acessá-la você precisa logar na WriterAccess. Felizmente, você pode testar a plataforma por 14 dias gratuitamente aqui.

O que o AI Persona Builder não faz? Infelizmente a ferramenta não coleta os dados que você precisa para deixar os seus inputs mais ricos, principalmente relacionados às dores da persona.

Lembre-se que a inteligência artificial possui várias vantagens e pode ser ainda melhor aproveitada se você aprimorar a base fornecida para a IA do gerador de personas.

Finalmente, depois de ver todas as funcionalidades da ferramenta eu imagino que você já tenha percebido os seus benefícios. 

Porém quero destacar algumas vantagens que o AI Persona Builder trouxe para a minha rotina pessoal como profissional de marketing. Vem comigo!

7 vantagens em gerar personas com inteligência artificial

Gerar personas com o uso da inteligência artificial oferece várias vantagens para empresas e profissionais de marketing.

Segundo o relatório State of AI da HubSpot, 84% dos profissionais de SEO afirmam que a IA e a automação impactaram sua estratégia para 2023.

Vamos ver como impactar a sua estratégia?

1. Precisão Aprimorada

A IA pode analisar grandes volumes de dados e identificar padrões complexos que podem passar despercebidos para os seres humanos. Isso resulta em personas mais precisas e detalhadas.

Com personas mais precisas, você pode segmentar seu público com mais eficácia, criando campanhas de marketing mais direcionadas.

2. Economia de Tempo

37% dos profissionais de marketing usam inteligência artificial para automatizar tarefas demoradas de SEO, de acordo com a Hubspot.

A automação proporcionada pela IA acelera o processo de criação de personas, economizando tempo que normalmente seria gasto em pesquisas manuais.

Você não precisa mais responder um questionário gigantesco com várias perguntas discursivas, como fazia no Fantástico Gerador de Personas, por exemplo. 

Agora, são poucas respostas discursivas e mais alguns inputs objetivos.

Além disso, você não precisa quebrar a cabeça quando já cansou de ser criativo, porque a ferramenta já fornece nome, idade, cargo e o restante da descrição.

Vantagem que nos leva ao terceiro ponto…

3. Escalabilidade

Ganhar tempo significa ser mais eficiente. Característica fundamental em processos de escalabilidade.

Isso se amplifica quando olhamos para agências de publicidade ou consultoria que trabalham com criação de personas diariamente na gestão de grandes carteiras de clientes.

A automação proporcionada pela IA torna possível criar e manter personas para grandes conjuntos de dados ou públicos diversos.

Leia também: Como a agência InfoStream produz conteúdo de alta qualidade para clientes de diversas áreas

4. Personalização Aumentada

Um dado que impacta muito é que, segundo o mesmo relatório, 84% dos profissionais de marketing afirmam que a IA é muito eficaz no alinhamento do conteúdo da web com a intenção de pesquisa.

Ou seja, a inteligência artificial pode fornecer insights para mensagens de marketing mais personalizadas. Além de produtos e serviços com base nas características e preferências específicas das personas.

Vê a importância dessa característica na otimização de campanhas?

5. Aprendizado Contínuo

A IA pode aprender com dados históricos e em tempo real, melhorando constantemente a precisão das personas e das estratégias de marketing.

6. Tomada de Decisão com Base em Dados

Com dados mais precisos e análises avançadas, as decisões de marketing se baseiam em informações sólidas e menos em suposições.

7. Competitividade

Empresas que usam IA para criar personas podem ter uma vantagem competitiva, pois estão mais bem posicionadas para atender às necessidades em constante evolução de seus clientes.

Enfim, lembre-se de que a IA é uma ferramenta poderosa, mas ainda é importante combinar seu uso com insights humanos e conhecimento do mercado. 

A IA pode ajudar a informar decisões, mas a compreensão humana e a criatividade continuam desempenhando papéis cruciais no marketing eficaz.

Como usar o AI Persona Builder da Rock Content?

A ferramenta é bastante intuitiva, mas caso encontre alguma dificuldade, este passo a passo pode facilitar o uso do AI Persona Builder da Rock Content:

Passo #1: Realize o login na WriterAccess, plataforma de conteúdo da Rock Content (se você não tem conta ainda, pode clicar aqui e ativar seus 14 dias de teste grátis).

Leia também: Como iniciar sua jornada de conteúdo com o teste gratuito de 14 dias no WriterAccess

Passo #2: No Dashboard da ferramenta, procure por “AI” (atualmente ele está com uma identificação de “beta”) no menu lateral a esquerda e clique na opção “AI Persona Builder”.

Você entrará na visualização de todas as suas personas. É nessa tela que você tem uma lista mostrando o nome e um resumo da descrição da sua persona, o que possibilita ter uma visão holística do seu público.

Utilize esse quadro para identificar facilmente o desenho da persona que você quer trabalhar, se precisará atualizar algum perfil ou então para entender se será necessário adicionar ou remover personas.

AI Persona Builder - Como Criar Buyer Personas com IA (1)

AI Persona Builder - Como Criar Buyer Personas com IA (1)

Passo #3: Clique no botão azul “Nova persona”.

Passo #4: Preencha o formulário com o máximo de detalhes possíveis. Lembre-se que, quanto melhor forem os inputs que você der a inteligência artificial, melhor será o output (resultado).

Passo #5: Envie seus inputs clicando no botão azul “Construir minha persona”.

Passo #6: Aguarde um momento enquanto a inteligência artificial faz sua mágica.

Passo #7: Adicione o título da sua persona. Normalmente coloca-se o nome da persona e tags de identificação que remete a características específicas, como o segmento de atuação ou o cluster de conteúdo, por exemplo.

Passo #8: Avalie o resultado e faça as edições necessárias antes de salvar o perfil da sua persona. É neste passo que faz-se importante o uso de dados e de pesquisas prévias, que a inteligência artificial não pode fazer por você.

Por exemplo, nas informações demográficas, é essencial que você avalie os dados demográficos das suas ferramentas digitais, como redes sociais e Google Analytics. 

Ou então, ao listar desafios e motivações, você pode ter identificado informações extras através de entrevistas e pesquisas com o seu público-alvo que são capazes de enriquecer o perfil da buyer persona.

A AI Persona Builder facilita muito o trabalho de construção de personas (e, se você não tem dados anteriores, pode ser um excelente ponto de partida, já que ela puxa dados reais do seu negócio), mas você sempre pode complementar com outros dados para tornar a sua persona ainda mais eficiente.

E pronto! A sua nova persona juntou-se às outras no quadro geral do seu público.

Você poderá visualizar a descrição completa de cada persona clicando no ícone de lápis da coluna “EDITAR” desse quadro do AI Persona Builder. Também é possível editar e descartar pelo mesmo lápis.

Explore as oportunidades da Inteligência Artificial

O AI Persona Builder da Rock Content é uma ferramenta poderosa que oferece várias vantagens para profissionais de marketing na criação e aprimoramento de suas buyer personas.

E, com a nossa plataforma de conteúdos, ainda é possível integrar o seu uso com outras de nossas ferramentas de inteligência artificial. Listei abaixo algumas delas:

  • AI Content Wizard: essa ferramenta leva em consideração seus concorrentes, as palavras-chave que você almeja e seu público, para trazer novas oportunidades de conteúdo que você ainda não explorou (assim como um briefing para cada sugestão de artigo, pronto para ser utilizado).
  • AI Content Idea Generator: essa ferramenta gerará ideias excepcionais para seu próximo conteúdo com base em seu domínio ou em ordens anteriores, caso você seja um cliente da WriterAccess.
  • AI Sentiment Score: insira um texto de amostra com o tom e estilo que você precisa, e nosso algoritmo analisará o texto, preverá o perfil sociodemográfico de seu autor e combinará você com escritores que escrevem conteúdos semelhantes na nossa plataforma.
  • [BETA] AI Backlink Matcher: o seu braço direito nas estratégias de Link Building. Obtenha links de fontes confiáveis ​​relacionadas ao seu setor com essa ferramenta.

Inteligência Artificial para geração de personas

Por fim, neste artigo destacamos algumas das principais vantagens do AI Content Wizard:

  • Precisão Aprimorada
  • Economia de Tempo
  • Escalabilidade
  • Personalização Aumentada
  • Aprendizado Contínuo
  • Tomada de Decisão Informada
  • Competitividade

No entanto, é importante ressaltar que a IA é uma ferramenta poderosa, mas ainda é necessário combinar seu uso com insights humanos e conhecimento do mercado

Por isso, conte com o nosso marketplace de mais de 20 mil freelancers e deixe a criatividade e a compreensão humana continuarem desempenhando papéis cruciais no marketing eficaz.

Faça um teste gratuito por 14 dias para entender se faz sentido incluir na rotina do seu time de marketing.

Para utilizar o AI Persona Builder da Rock Content, você pode seguir o passo a passo fornecido no artigo, garantindo que forneça inputs de alta qualidade para obter resultados mais precisos.

Em resumo, a inteligência artificial está revolucionando o marketing digital, tornando-o mais eficiente, personalizado e orientado por dados. 

O AI Persona Builder é uma ferramenta que exemplifica como a IA pode ser usada para criar personas mais precisas e impulsionar o sucesso das estratégias de marketing. 

Ao aproveitar essas oportunidades da inteligência artificial, as empresas podem se manter competitivas e alinhadas com as demandas do mercado em constante evolução.

3 exemplos de conteúdo interativo para campanhas sazonais criativas

Criar campanhas envolventes é um dos maiores desafios enfrentados pelos profissionais de marketing. Com diversos objetivos a serem atingidos e limitações como tempo, recursos e orçamento, a criatividade muitas vezes parece ser o menor desafio.

Entretanto, as campanhas sazonais nos proporcionam uma motivação extra para explorar a criatividade e abordar narrativas de maneiras diversas e envolventes. A equipe de marketing da Rock Content também segue essa abordagem, mas com um toque a mais: incorporamos experiências de conteúdo interativo para ir além de simplesmente criar imagens atraentes e textos divertidos.

Neste artigo, vou trazer 3 exemplos de como utilizamos a interatividade em campanhas sazonais.

Antes de começar, algo importante sobre conteúdo interativo

Antes de entrarmos nos exemplos, vamos dar uma rápida olhada nos principais elementos do conteúdo interativo.

Para criar páginas interativas, você geralmente precisa de um desenvolvedor habilidoso ou de uma plataforma dedicada à criação de conteúdo interativo.

Na Rock Content, optamos por usar nossa própria ferramenta: o Ion.

A melhor parte é que não é necessário ter conhecimentos de programação para criar esse tipo de conteúdo. O Ion vem com uma ampla variedade de templates prontos, o que facilita muito o trabalho da nossa equipe de profissionais de marketing e designers.

Outro aspecto interessante é que ao criar essas páginas no Ion, elas podem ser otimizadas para SEO e projetadas de forma a incentivar o engajamento dos visitantes e coletar dados relevantes. Isso significa que, enquanto o usuário interage com um ebook, calculadora ou infográfico, podemos proporcionar uma experiência personalizada e capturar as informações que você precisa.

Agora que você tem uma ideia mais clara sobre conteúdo interativo, já podemos trazer os nossos 3 exemplos de conteúdo interativo para campanhas sazonais criativas.

1. Black Friday

Em 2022, realizamos uma campanha global que se resume a um hub contendo três sessões com materiais ricos.

Após preencher um formulário na landing page, os visitantes obtêm acesso gratuito para auxiliar os profissionais de marketing a planejarem estratégias para uma campanha de Black Friday mais bem-sucedida.

Dentro do Hub, um dos recursos disponíveis é o Guia Interativo “Estratégias de conteúdo para Black Friday”, que se assemelha a um quiz simples.

Depois de fornecer algumas informações básicas sobre o seu negócio, o visitante recebe sugestões personalizadas para potencializar uma campanha bem-sucedida na Black Friday.

Nas duas experiências, os visitantes têm a oportunidade de explorar algumas ofertas relacionadas aos nossos produtos e serviços.

Se desejarem prosseguir com uma demonstração de produto, por exemplo, já estão no meio do processo de envio do formulário, pois já forneceram suas informações na experiência anterior.

Um aspecto interessante é que construímos as páginas mantendo a identidade da nossa marca. Isso significa que não apenas ficam visualmente atraentes com elementos animados, mas também se mantêm alinhados com a sua identidade de marca. Além disso, é possível adicionar elementos sazonais para tornar a experiência ainda mais cativante.

Ao final, podemos analisar o desempenho da página por meio do dashboard criativo, o que nos proporciona insights sobre os resultados. Se necessário, podemos aprofundar nossa análise para entender onde as interações foram mais ou menos frequentes, o que nos permite adaptar a próxima etapa de acordo com essas informações.

Você pode conferir a versão atualizada do Hub aqui!

2. Kit de Planejamento de Marketing

O Kit de Planejamento de Marketing tem sido um dos nossos materiais de maior sucesso, com mais de 8 mil downloads apenas na nossa base de língua inglesa desde o seu lançamento em 2020.

Atualizamos e relançamos o pacote anualmente, com o propósito de auxiliar os profissionais de marketing na elaboração, organização e execução de suas estratégias para o ano ou trimestre que está prestes a iniciar.

Esse kit está repleto de planilhas, guias, templates e outras ferramentas que proporcionam instrumentos gratuitos para os profissionais simplificarem seu trabalho.

Em 2022, lançamos uma versão interativa, na qual as pessoas preenchem um formulário e ganham acesso a um hub semelhante ao da Black Friday, onde encontram todos os materiais necessários.

Para apoiar os profissionais nas tarefas do segundo semestre de 2023, especialmente durante o verão no Hemisfério Norte, quando muitos tiram férias e as coisas podem ficar um pouco mais complicadas, relançamos o kit com uma abordagem temática de verão.

Campanha do Kit de Planejamento de Marketing lançada nos Estados Unidos & Canadá durante o verão no Hemisfério Norte

Como mencionado no exemplo da Black Friday, o uso de experiências interativas nos permite obter feedbacks valiosos do nosso público.

Ao analisar o Kit de Planejamento de Marketing, notamos que as pessoas se envolveram significativamente mais na primeira etapa da experiência, principalmente com o ebook interativo “Como Criar um Plano de Marketing”, que se destacou como o recurso mais acessado no hub.

É importante destacar que um ebook interativo, assim como outras peças interativas criadas no Ion, oferece uma experiência de leitura mais enriquecedora, conduzindo o leitor de forma envolvente enquanto coleta informações pertinentes sobre suas preferências.

No caso do “Como Criar um Plano de Marketing”, dividimos os capítulos em blocos que incluem outros elementos interativos.

Essa abordagem também permite que os profissionais de marketing direcionem o conteúdo de acordo com as informações fornecidas pelos leitores, garantindo que entreguem valor no momento certo.

As informações que coletamos nos auxiliam a tomar decisões mais embasadas em dados para a hora de reutilizar e relançar a experiência.

Ao mesmo tempo, esses dados nos fornecem insights sobre as reais necessidades do nosso público e abrem novas possibilidades.

Um bom exemplo disso é que, para a próxima fase da campanha, podemos otimizar os ativos mais procurados do hub e criar novas peças para gerar ainda mais resultados.

Além disso, essa análise nos oferece uma visão das áreas que podem ser aprimoradas, incluindo os materiais que talvez não tenham despertado tanto interesse ao longo da experiência.

Leia também: Como consegui 431% mais conversões com a plataforma Ion em dois meses

3. Copa do Mundo 2022

Essa foi mais uma de nossas campanhas globais, e aproveitamos a empolgação gerada pela Copa do Mundo.

Não preciso dizer a importância da Copa do Mundo sobre tudo no Brasil. Trata-se de um evento de alcance global que atrai a atenção de profissionais de marketing e consumidores ao redor do mundo. Por isso, optamos por usar essa narrativa para aumentar a visibilidade de nossas soluções.

Nossa equipe de designers fez um excelente trabalho ao criar ilustrações que realmente se alinham com a temática do futebol, utilizando cores que remetem à paleta da última Copa do Mundo. Além disso, incorporamos diversos elementos interativos à experiência.

Você pode conferir a experiência completa aqui.

Em todos os conteúdos interativos, incluindo este, trabalhamos para garantir que os textos, ícones, fundos e todos os elementos narrativos estejam alinhados não apenas com a nossa marca, mas também com o universo do futebol na comunicação. Isso torna a experiência mais atraente e envolvente.

Desenvolvemos um Gerador de Ideias para auxiliar os profissionais de marketing a se inspirarem para o lançamento de novos conteúdos e outras ofertas, alinhando-as com sua estratégia atual.

O usuário só precisa escolher entre os 11 “jogadores” aqueles que se aplicam à sua estratégia.

Após escolher os principais canais em que atua, de forma semelhante aos técnicos de futebol, os visitantes recebem conselhos e sugestões personalizadas para criar campanhas de sucesso, com base nas informações fornecidas na página anterior.

Essa é uma excelente oportunidade para oferecer recomendações e recursos valiosos aos visitantes enquanto coletamos dados relevantes. Ao mesmo tempo, introduzimos as pessoas à nossa marca, produtos e serviços.

Um exemplo disso é o teste de 14 dias do WriterAccess, nosso marketplace freelance para ajudar profissionais a escalonar sua produção de marketing de conteúdo. Aliás, você deveria experimentar agora para ver como a combinação de recursos de IA com a criatividade humana pode elevar sua estratégia de conteúdo a um patamar superior!

Esses são apenas alguns exemplos que ilustram como o conteúdo interativo pode ser uma ferramenta valiosa para os profissionais de marketing na criação de campanhas criativas que atraiam a atenção do público, com inúmeras possibilidades narrativas.

Temos aproveitado o conteúdo interativo para criar webinars, calculadoras, infográficos, quizzes e uma variedade de outros materiais que despertam o interesse dos consumidores em nosso conteúdo.

Se você deseja descobrir como adicionar interatividade às suas estratégias de marketing, aproveite para solicitar uma demonstração gratuita com um de nossos especialistas!

Você deve se preocupar com a autoridade de domínio? Aprenda a ler e usar esta métrica de SEO de maneira eficaz

Você já se perguntou sobre a importância da autoridade de domínio na sua estratégia de SEO? Se você é uma empresa ou profissional de marketing, deve prestar atenção a essa métrica. Ela pode ser a chave para melhorar a visibilidade do seu site nos motores de busca.

Neste artigo, exploraremos a autoridade de domínio em detalhes. Quero explicar o que é, qual a sua importância e como otimizar o seu domínio pensando na classificação para os resultados de pesquisa.

Não importa se você é iniciante ou experiente em SEO, este conteúdo ajudará você a aproveitar ao máximo essa métrica e melhorar seus resultados nos motores de busca. Continue lendo e aprenda a usar a autoridade de domínio de maneira eficaz.

O que é Autoridade de Domínio?

A Autoridade de Domínio (Domain Authority) é uma métrica desenvolvida pela Moz e tem como principal finalidade avaliar a credibilidade e relevância de um site aos olhos dos motores de busca, como o Google. Essa métrica é representada por uma pontuação que varia de 0 a 100, sendo que quanto maior a pontuação, maior é a autoridade do domínio.

Ela não é diretamente usada pelos mecanismos de busca em seus algoritmos. Em outras palavras, a autoridade de domínio não é um fator de ranqueamento. Porém, serve como um indicador que ajuda a prever como um site será classificado nas páginas de resultados de pesquisa (SERPs).

Em resumo, quanto mais alta for a pontuação de um site, maior será a probabilidade de ele conquistar posições melhores nos resultados de pesquisa. Me acompanha aqui que as próximas linhas destrincham essa métrica.

O que Influencia na Autoridade de Domínio?

Algumas variáveis entram em jogo quando se trata de determinar a Autoridade de Domínio de um site. Aqui estão alguns dos fatores mais influentes:

  1. Qualidade e Quantidade de Backlinks: Um dos fatores mais críticos é o número e a qualidade dos backlinks apontando para o seu site. Backlinks de sites respeitáveis e relacionados ao seu nicho tendem a impulsionar a sua credibilidade online.
  2. Qualidade do Conteúdo: Ter conteúdo de alta qualidade, relevante e atualizado é fundamental. Sites com conteúdo útil e informativo geralmente atraem mais links e, consequentemente, têm uma Autoridade de Domínio mais alta.
  3. Experiência do Usuário: A usabilidade do seu site, velocidade de carregamento, design responsivo e facilidade de navegação também desempenham um papel importante nessa classificação. Sites que oferecem uma excelente experiência ao usuário têm mais chances de atrair visitantes e links.
  4. Idade do Domínio: Sites mais antigos tendem a ter uma Autoridade de Domínio mais alta do que os recém-criados. Isso ocorre porque o histórico do domínio é considerado pelos mecanismos de busca.
  5. Redes Sociais: A presença e o engajamento nas redes sociais também podem afetar a Autoridade de Domínio. Compartilhamentos sociais e menções podem indicar relevância e popularidade do seu conteúdo.

Pronto! Temos um conceito mais detalhado do que é essa métrica.

Consegue visualizar a força do seu site agora que sabemos o que é esse medidor? Faça o exercício mental e tente estimar uma nota para a qualidade do seu site.

Depois consulte a autoridade do seu domínio e compare com a sua expectativa. E não deixe de comparar com a autoridade dos seus concorrentes! A seguir eu disponibilizo um passo a passo para você poder encontrar esse número nas ferramentas mais populares para SEO.

Passo a passo para verificar a Autoridade de Domínio

Moz

  1. Vá para o site da Moz e faça login na sua conta ou crie uma, se ainda não tiver.
  2. Na barra de navegação, vá para a seção “Research Tools” (Ferramentas de Pesquisa) e clique em “Link Explorer” (Explorador de Links).
  3. Na página do Link Explorer, você verá um campo para inserir o URL do seu site. Digite o URL e clique em “Analyze” (Analisar).
  4. Aguarde enquanto a Moz coleta dados sobre o seu site. Em seguida, você verá a pontuação da Autoridade de Domínio exibida na página, juntamente com outras informações relevantes.
Fonte: Moz

Semrush

  1. Acesse o site da Semrush e faça login na sua conta ou inscreva-se para uma avaliação gratuita, se necessário.
  2. Na barra de navegação, vá para a seção “SEO” e clique em “Domain Overview” (Visão Geral do Domínio).
  3. Digite o URL do seu site no campo apropriado e clique em “Search” (Pesquisar).
  4. A Semrush fornecerá uma visão geral do seu domínio, incluindo a pontuação da Autoridade de Domínio, além de outros dados de SEO importantes.
Fonte: Semrush

Ahrefs

  1. Acesse o site da Ahrefs e faça login na sua conta ou inicie uma avaliação gratuita.
  2. No painel de controle, você verá um campo de pesquisa. Insira o URL do seu site e pressione “Enter”.
  3. A Ahrefs exibirá uma página de visão geral do domínio, incluindo a pontuação da Autoridade de Domínio, juntamente com uma variedade de outras métricas de SEO.

Esses são os passos básicos para consultar a autoridade de domínio do seu site nas ferramentas Moz, Semrush e Ahrefs. Lembre-se de que algumas dessas ferramentas podem ter limitações em suas versões gratuitas, e você pode precisar de uma assinatura paga para obter acesso completo a todas as informações.

Como Melhorar a Autoridade de Domínio?

Agora que você compreende o que influencia essa medição, é hora de aprender como melhorá-la.

  1. Construa Backlinks de Qualidade: Concentre-se em criar uma estratégia de construção de links, buscando links de sites confiáveis e relacionados ao seu nicho. Evite práticas fraudulentas de construção de links, pois podem prejudicar sua Autoridade de Domínio.
  2. Produza Conteúdo de Qualidade: Invista na criação de conteúdo relevante, informativo e valioso para o seu público-alvo. Isso incentivará outros sites a se vincularem ao seu conteúdo.
  3. Otimize a Experiência do Usuário: Certifique-se de que seu site seja rápido, seguro e responsivo em dispositivos móveis. Uma experiência de usuário agradável atrai visitantes e melhora sua Autoridade de Domínio.
  4. Participe das Redes Sociais: Esteja ativo nas redes sociais e compartilhe seu conteúdo. O engajamento social pode aumentar a visibilidade do seu site e atrair tráfego.
  5. Mantenha-se Atualizado: Esteja sempre atualizado com as melhores práticas de SEO e adapte sua estratégia conforme as mudanças nos algoritmos de busca.

Alerta para CTA! Falando em manter-se atualizado, assine a newsletter da Rock Content, a The Beat, para receber informações quentes sobre SEO e sobre o mundo do marketing de conteúdo.

Potencialize seu site!

Enfim, a Autoridade de Domínio desempenha um papel vital no SEO e na classificação do seu site nos motores de busca. Entender como ela funciona e como influenciá-la positivamente é essencial para melhorar sua visibilidade online.

Se você é uma empresa ou um profissional de marketing, investir em estratégias com um olho na sua reputação online é uma decisão inteligente. Isso não apenas ajuda a melhorar seu posicionamento nas SERPs, mas também contribui para atrair um tráfego mais qualificado e, em última análise, aumentar as conversões.

Portanto, não subestime a importância da Autoridade de Domínio em sua estratégia de SEO. Coloque em prática as dicas mencionadas acima e potencialize seu site para alcançar o sucesso no competitivo mundo online. Lembre-se de que SEO é uma jornada contínua, e cada esforço para melhorar a força do seu site pode resultar em um retorno significativo no longo prazo.