Como a Rock Content cria seus briefings de conteúdo?

Um Presente Pra Você

Na Rock Content, temos um grande fluxo de conteúdos sendo criados e atualizados a todo momento como parte de nossa estratégia de SEO e crescimento orgânico. 

Nós já explicamos aqui, anteriormente, como temos um time interno relativamente pequeno de SEO focado em estratégias, e como nós utilizamos freelancers para a produção de conteúdo em escala.

Pois bem. Para que este grande volume de conteúdo possa ser feito de forma organizada e com o máximo de qualidade possível, foi essencial para nós trabalharmos bem a etapa do modelo de briefing para entregar aos nossos redatores.

Vale lembrar que hoje utilizamos apenas o WriterAccess, nossa plataforma oficial de conteúdo com mais de 15.000 talentos freelancers cadastrados e verificados pelo time da Rock Content.

Além de trazer mais segurança sobre a qualidade do conteúdo, Isso nos permite acompanhar também o conteúdo do início ao fim, passando pela redação, revisão e revisão interna. 

O modelo de briefing passou por adaptações antes de começar a ser funcional. Para o time no Brasil, algumas informações foram diferentes para o time de criação de conteúdo nos Estados Unidos e Canadá, já que a cultura dos países são completamente diferentes.

Mas em sua totalidade, os briefings de conteúdo têm basicamente o mesmo padrão — o que facilita muito nosso trabalho no dia a dia de gerenciamento de conteúdos.

Como a Rock Content cria os briefings de conteúdo para os redatores freelancers?

A primeira coisa que fizemos foi criar um layout que pudesse reunir as informações de maneira intuitiva, onde ordenamos: informações básicas, informações de SEO, o guia de criação do conteúdo e o outline.

Além disso, também citamos fontes em alguns pontos, que possam ser informativos importantes aos redatores e revisores. 

Por exemplo, temos o campo “Intenção de Busca”, onde explicamos sobre isso e citamos um post exatamente sobre o tema. Se o redator ou revisor não sabem a fundo sobre o tema, a intenção é que a pessoa entenda perfeitamente o termo e como aplicá-lo.

Informação Básica

Nesse quadro, inserimos as informações e, ao lado, sempre explicamos os conceitos. As informações nesse quadro, são:

  • Audiência: aqui, explicamos para quem o conteúdo é direcionado, como, por exemplo, para profissionais de marketing. Além disso, também informamos o estágio do funil que aquele conteúdo estará.

    (Aqui, aproveito para deixar uma dica: se você não tem clareza da sua persona ainda, dentro do WriterAccess há uma IA que auxilia na geração de personas em questão de minutos. Pode ajudar bastante como etapa prévia a criação de seus briefings de conteúdo!)

  • Objetivo: nesse ponto, falamos sobre o objetivo principal do conteúdo que será criado. Para conversão, para gerar liderança de pensamento, para informar apenas, etc.
  • Ponto de dor do público a ser aliviado por esta postagem no blog: entre aspas, citamos uma fala do público do que ele está precisando solucionar com aquele conteúdo.
  • Como este artigo será melhor do que o que já vemos na concorrência
  • Escopo do conteúdo. O que a Rock Content espera alcançar com esse post?

SEO

  • Título da Página
  • Meta description
  • Palavras-chave
  • Número de palavras do post
  • Intenção de Busca
  • People Also Ask
  • Conteúdo concorrente ou de pesquisa
  • Categoria do post
  • Links externos
  • CTA

Guia de criação de Conteúdo

Nesse quadro, informamos algumas coisas que podem parecer óbvias, mas que são sempre boas de repetir, como:

Um Presente Pra Você
  • Usar parágrafos curtos (2-3 linhas, preferencialmente);
  • O primeiro link deve ser interno;
  • Usar gráficos para mostrar dados;
  • Usar textos em negrito para enfatizar pontos-chave do texto.

Além disso, também colocamos o nosso guia de estilo e de escrita para o profissional de redação checar sempre que necessário, além de outras informações como:

  • Tom de voz do texto;
  • Elementos visuais (se é necessário inserir imagens e como devem ser);
  • Notas para o profissional, se necessário.

Outline

O Outline basicamente fala sobre a estrutura do conteúdo que recomendamos. 

Os principais elementos a serem incluídos em cada título e subtítulo do post, quais são as informações que serão necessárias como obrigatórias no texto. 

Caso o profissional de redação que esteja escrevendo veja necessidade, ele também pode acrescentar outras informações.

Normalmente, temos um padrão geral que pode ser:

  • H1: Título com a keyword principal
  • Introdução
  • H2 #1 Título
  • H2 #2 Título
  • H2 #3 Título
  • H2 #4 Título
  • H3 #1 Título
  • H3 #2 Título
  • H3 #3 Título
  • Conclusão

Esse é apenas um exemplo. Dependendo do número de palavras do texto e das informações que precisamos, podemos solicitar um estilo diferente. Mas deu pra perceber como isso pode direcionar ainda melhor o profissional? 

Após preencher todas as informações do briefing, enviamos para um de nossos especialistas freelancers. 

E aqui, outro pulo do gato que literalmente salva horas de trabalho do time de SEO diariamente: o WriterAccess permite que você salve templates de briefings de conteúdo

Esta função agiliza o processo em informações que se repetem, como os direcionamentos de SEO, por exemplo.

A intenção da Rock Content é justamente trazer ao público conteúdos e informações ricas, com uma pesquisa mais aprofundada e com o cuidado de acompanhar cada etapa.

E como é o processo de criação de conteúdo na sua empresa? Espero que o nosso processo de briefing seja útil para o seu negócio! 

Se você ficou curioso(a) para saber mais sobre o WriterAccess, suas funcionalidades e nossa rede de talentos, saiba que você pode testar a plataforma por 14 dias de forma gratuita clicando aqui

Please follow and like us:
Um Presente Pra Você